segunda-feira, fevereiro 11, 2008

ACÇÃO CONSERTADA POR QUEM TEVE TODA A LIBERDADE

Blog Timor Lorosae Nação

Segunda-feira, 11 de Fevereiro de 2008
É PRECISO CALMA, MAS ISTO DÁ QUE PENSAR!

Jaime Silva Pinto

O inferno que começou há umas quantas horas em Dili com dois atentados simultâneos às pessoas do presidente da República e do primeiro-ministro é a todos os níveis condenável e não compete a quem quer que seja, neste momento de preocupação, procurar agora bodes expiatórios em vez dos verdadeiros culpados.
Sabemos que Alfredo Reinado e os seus comparsas foram os executores dos atentados, falta saber se houve mais qualquer coisa para além disso, mas não agora.
Este é o momento de meditar e esperar que nada de muito ruim aconteça a José Ramos Horta. Que não fique sequer incapacitado é aquilo que se deseja e aquilo que todos merecemos, ter saúde e viver usando suas plenas faculdades.

Tem sido perceptível que estão a ocorrer alguns comentários a quente que depreciam o esforço dos que contribuem para esta equipa a troco de somente opinar e compilar informação. Compreende-se que umas cabeças reajam a impulsos mais calorosos neste momento. Porque compreendemos o momento e estado de espírito não consideramos ofensivas algumas das afirmações inapropriadas, mas lamentamos que existam postadas nos comentários com um grau de injustiça razoável.

Para os timorenses e amigos de Timor-Leste, como nós, o momento é de pesar mas também saber manter a cabeça fria. Os excessos não servem a ninguém, muito menos neste momento.
Pode não acontecer mais nada em Timor-Leste que trave o percurso de melhoria pacífica mas agora a intenção era a de por o país a ferro e fogo. Essa era de certeza absoluta a vontade de quem arquitectou estes atentados e esses estão vivos e disfarçados, possivelmente a dar palmadinhas nas costas de Xanana. É aí que está o perigo.
Reinado foi eliminado mas os que não sabemos quem são continuam a constituir um perigo para os timorenses e para Timor-Leste. São a ameaça dissimulada que importa expulsar do país.

A posição deste blogue é de condenação destes actos cobardes, nojentos, mas também de desejo que Horta se salve e recomponha rapidamente, com saúde para seguir o rumo que achar que deve, assim como Xanana.
Podemos criticá-los, alguns da nossa equipa, mas são somente meras diferenças ideológicas numas quantas coisas, que devem ser resolvidas democraticamente e não mais que isso.
Todas as vidas são importantes. Até as dos assassinos, para que os vejamos pagar, com prisão, os seus erros. A vida é um bem que ninguém tem o direito de tirar, nem o próprio.

Desejemos que nada se complique e que tudo não tenha passado de um grande susto. Mais um acidente de percurso não desejável na curta vida deste país.
Não esqueçamos contudo que é muitíssimo provável que quem Horta e Xanana julgam amigos não o sejam na realidade. Ficou comprovado que esta foi, ou ainda é, uma acção concertada por quem teve toda a liberdade de movimentos e acesso a informações para a planear, sabendo com antecedência sobre viagens, datas e horas para actuar na “perfeição”. Isto, preocupa e dá que pensar.

1 comentário:

Malai Muti disse...

É mais um dia muito triste para Timor!!!

Espero as rápidas e boas melhoras de Ramos Horta.

Quando será que os Timorenses vão perceber quais os verdadeiros propósitos da presença militar Australiana em Timor?

Senhor Xanana, já reparou como foi traído?

Escapou desta, seu amigo Ramos Horta... vamos ver...

Senhor Xanana, corra com esses senhores militares australianos daí! Mande-os "treinar" às guerras para o seu País!!

Tá mais que provado que eles não estão aí não para estabilizar coisa nenhuma, antes, têm contribuido para destabilizar TIMOR!!!

Exmº Senhor Taur Mata Ruak, sei que tem nervos de aço e é uma pessoa paciente e astuta, mas talvez esteja na ora de tomar uma atitude, face à ingerência australiana que tantos homens e irmãos lhe custou!

Pressione diplomáticamente o PM para que eles saiam! A GNR e as FDTL são imparciais e os unicos que estão do lado de Timor!!

Uma vergonha para as ISF, ter que ser a GNR a dar auxílio ao Ramos Horta ferido!!! Inqualificável... só se queriam que ele morresse... enfim!!

Peço serenidade ao povo de Timor, mais mortes inglórias, nada de bom vos trás Irmãos!

Malai Muti

Traduções

Todas as traduções de inglês para português (e também de francês para português) são feitas pela Margarida, que conhecemos recentemente, mas que desde sempre nos ajuda.

Obrigado pela solidariedade, Margarida!

Mensagem inicial - 16 de Maio de 2006

"Apesar de frágil, Timor-Leste é uma jovem democracia em que acreditamos. É o país que escolhemos para viver e trabalhar. Desde dia 28 de Abril muito se tem dito sobre a situação em Timor-Leste. Boatos, rumores, alertas, declarações de países estrangeiros, inocentes ou não, têm servido para transmitir um clima de conflito e insegurança que não corresponde ao que vivemos. Vamos tentar transmitir o que se passa aqui. Não o que ouvimos dizer... "
 

Malai Azul. Lives in East Timor/Dili, speaks Portuguese and English.
This is my blogchalk: Timor, Timor-Leste, East Timor, Dili, Portuguese, English, Malai Azul, politica, situação, Xanana, Ramos-Horta, Alkatiri, Conflito, Crise, ISF, GNR, UNPOL, UNMIT, ONU, UN.