sexta-feira, janeiro 18, 2008

UNMIT – MEDIA MONITORING - Friday, 18 January 2008

"UNMIT assumes no responsibility for the accuracy of the articles or for the accuracy of their translations. The selection of the articles and their content do not indicate support or endorsement by UNMIT express or implied whatsoever. UNMIT shall not be responsible for any conseque6nce resulting from the publication of, or from the reliance on, such articles and translations."

National Media Reports

TVTL news coverage


- - -

RTL news coverage

Reinado asks the Supreme Commander to set up a new commission to replace the Task Force team: Fugitive rebel leader Alfredo Reinado Alves has asked President Jose Ramos Horta, who is also the Timorese Defense Force Supreme Commander, to set up a new commission to replace the Task Force set up by the Government.

Reinado and the petitioners' spokesperson, Gastao Salsinha, made the request after they were not able to meet with President Jose Ramos Horta in Suai yesterday.

Reinado and Salsinha said the Task Force set up by the Government is not able to resolve their problems, because they work for political interests.

They said only the Supreme Commander is able to resolve their problems, not the Government.

Reinado said that if the state considers them civilians, they will form a new military force in this country.

* * *

Ramos-Horta: “The Deadline for solving Alfredo and the petitioners’ case is May”

President (PR) José Ramos-Horta said that May 2008 is the deadline for solving Alfredo and the petitioners’ problems.

“It is not definitive yet, but all parties should be prepared to work on this from now until May,” said PR Ramos-Horta on Thursday (17/1). (DN)

Finn Reske-Nielsen: “UN congratulates PNTL for arresting 73 people”

Deputy Special Representative of Secretary-General (DSRSG) in Timor-Leste Finn Reske-Nielsen congratulated the police who captured 73 people alleged to be involved in prostitution and drugs in five bars in Dili on Tuesday (15/1) night.

DSRSG Finn explained that the arrests were made because the alleged activities have a negative effect upon the country. (DN)

‘Operation Lafaek’: good for the future of our youth

Member of the National Parliament (NP), Duarte Nunes, said that the NP supports the capture of 73 people in 5 bars in Dili by Dili PNTL as a positive step for the future of Timorese youth.

“We all know that people whose intentions are bad destroy the future of the younger generation and give the country a bad name. So, the NP gives its support to the operation of the PNTL,” said Mr. Nunes in the NP on Thursday (17/1) in Dili. (DN)

Arsenio: “the President shouldn’t try to gag Alfredo”

Vice President of Fretilin and Member of NP Arsenio Bano said that Fretilin are pressuring PR Ramos-Horta to release publicly his discussion with Alfredo Reinado so that the public are informed, otherwise he is gagging Reinado and compromising the truth.

“There should be the truth. If Alfredo said that Xanana is the author of 2006 crisis, let Alfredo tell the truth and Xanana should then justify himself,” said Mr. Bano on Thursday (17/1) in the NP in Dili.

“The people of Timor-Leste and the NP should know what is discussed by Pr Ramos-Horta and Alfredo. Whether the PR is going to give amnesty, send Alfredo back to the F-FDTL or submit him to justice, people should know about it. Or is it just a trap?” added Mr. Bano. (DN)

ICG: government needs to reform F-FDTL and PNTL

The government of Timor-Leste and the UN Mission in Timor-Leste should revitalize efforts to reform the F-FDTL and PNTL in order to decrease civil conflict in the country.

Based on the new report of the International Crisis Group (ICG), it seems that to move the country forward the security institutions’ reformation is key.

ICG also reported that until now there is no clear authority line between defence forces and the police and there is no national consensus about the type of defence force needed and what its job should be.

ICG said that the government has to conduct an immediate analysis of comprehensive security reform as recommended by the Security Council of the United Nations. (TP)

Ramos-Horta: Indonesia to close embassy if TL establishes an international tribunal

PR Ramos-Horta is arguing strongly against the recommendation of organizations which are asking the state to establish an international tribunal in Timor-Leste to judge the cases of 1999.

“I have not accepted your recommendation about establishing an international tribunal ever since I was Minister of Foreign Affairs. Even though you step over me until I die, I will never accept it,” said PR Ramos-Horta on Thursday (17/1) when meeting with Forum of NGOs in Caicoli, Dili.

PR Ramos-Horta said that it is impossible to establish the international tribunal in Timor-Leste as there is no support from the Security Council. (TP)

High Level meeting: continues discussing the problems in the country

The High Level Meeting between the state and the United Nations Integrated Mission in Timor-Leste (UNMIT) on Thursday (17/1) continued to focus on the problems of the IDPs, Alfredo Reinado and the petitioners.

The meeting was held in Palacio das Cinzas and was attended by SRSG Atul Khare, PR Ramos-Horta, Prime Minister Xanana Gusmão, President of NP Fernando Lasama, Brigadier Taur Matan Ruak, General Prosecutor Longuinhos Monteiro, State Secretary for Security and Defence Francisco Guterres and Julio Pinto.

PR Ramos-Horta said that the High Level meeting was held to decide how the organs of state could disseminate general information about solving the problems in the country,” said PR Ramos-Horta on Thursday (17/1) in Palacio da Cinzas Caicoli, Dili.

The President of the NP Fernando Lasama said that the thanks to the meeting the government and UNMIT can start to move forward the process of solving problems and regaining peace and calm. (TP)

”Mandate doesn’t work; Alfredo doesn’t go to the court

The lawyer for Alfredo Reinado’s case, Benevides Barros, said that PR Ramos-Horta has already told all relevant national and international institutions to not execute the arrest warrant given by the judge.

Mr. Barros also said that Alfredo Reinado will not appear in court on January 24 this year as the arrest warrant on him is still valid.

Fretilin is calling on Alfredo to take the accusation to the court.

“Fretilin supports Alfredo is his legal stand, but does not support Alfredo and the petitioners’ actions. Our support is that if Alfredo has all the evidence, then come down. It is time to go through the legal process and the Constitution,” said Jose Manuel, a member of Fretilin.

While the President of the Court of Appeal Claudio Ximenes said that if there is a strong reason then the arrest warrant will be withdrawn, if not then all should follow the decision made by the judge. (TP and STL)

Tradução:

UNMIT – MONITORIZAÇÂO DOS MEDIA - Sexta-feira, 18 Janeiro 2008

"A UNMIT não assume nenhuma responsabilidade pela correcção dos artigos ou pela correcção das traduções. A selecção dos artigos e o conteúdo deles não indicam apoio ou endosso pela UNMIT expresso ou implícito. A UNMIT não sera responsável por qualquer consequência que resulte da publicação de, ou pela confiança em tais artigos e traduções."

Relatos dos Media Nacionais
- - -
RTL cobertura de notícias

Reinado pede ao Comandante Supremo para montar uma nova comissão que substitua a equipa do Grupo de Trabalho: O líder foragido amotinado Alfredo Reinado Alves pediu ao Presidente José Ramos Horta, que é também o Comandante Supremo da Força de Defesa Timorense para montar uma nova comissão para substituir o Grupo de Trabalho montado pelo Governo.

Reinado e o porta-voz dos peticionários, Gastão Salsinha, fizeram o pedido depois de não conseguirem encontrar-se com o Presidente José Ramos Horta ontem em Suai.

Reinado e Salsinha disseram que o Grupo de Trabalho do Governo não consegue resolver os problemas deles, porque estão a trabalhar por interesses políticos.

Disseram que apenas o Comandante Supremo é capaz de resolver os problemas deles, não o Governo.

Reinado disse que se o Estado os considerar civis, que formarão uma nova força militar neste país.

* * *

Ramos-Horta: “A data limite para resolver o caso de Alfredo e dos peticionários é Maio”

O Presidente (PR) José Ramos-Horta disse que Maio de 2008 é a data limite para resolver os problemas de Alfredo e dos peticionários.

“Ainda não é definitivo, mas todas as partes devem preparar-se para trabalhar niste de agora até Maio,” disse o PR Ramos-Horta na Quinta-feira (17/1). (DN)

Finn Reske-Nielsen: “ONU dá os parabéns à PNTL por prender 73 pessoas”

O Vice-Representante Especial do Secretário-Geral (DSRSG) em Timor-Leste Finn Reske-Nielsen deu os parabéns à polícia que capturou 73 pessoas alegadamente envolvidas na prostituição e drogas em cinco bares em Dili na Terça-feira à noite (15/1).

O DSRSG Finn explicou que as prisões foram feitas por causa das alegadas actividades terem um efeito negativo no país. (DN)

‘Operação Lafaek’: boa para o futuro da nossa juventude

O deputado do (PN), Duarte Nunes, disse que o PN apoia a captura de 73 pessoas em 5 bares em Dili pela PNTL de Díli como um passo positivo para o futuro da juventude Timorense.

“Todas sabemos que as pessoas com más intenções destroiem o futuro da geração mais jovem e dão mau nome ao país. Por isso, o PN apoia a operação da PNTL,” disse o Sr. Nunes no PN na Quinta-feira (17/1) em Dili. (DN)

Arsénio: “O Presidente não deve tentar amordaçar Alfredo”

O Vice Presidente da Fretilin e deputado do PN Arsénio Bano disse que a Fretilin está a pressionar o PR Ramos-Horta para informar o público sobre a sua discussão com Alfredo Reinado para que o público seja informado, de outro modo está a amordaçar o Reinado e a pôr a verdade em causa.

“Tem de haver verdade. Se Alfredo disse que Xanana é o autor da crise de 2006, deixem Alfredo contar a verdade e Xanana deve então ele próprio justificar-se,” disse o Sr. Bano na Quinta-feira (17/1) no PN em Dili.

“O povo de Timor-Leste e o PN devem saber o que é discutido pelo PR Ramos-Horta e Alfredo. Se o PR vai dar amnistia, mandar o Alfredo de volta às F-FDTL ou submetê-lo à justiça, o povo deve saber disso. Ou isso é apenas uma armadilha?” acrescentou o Sr. Bano. (DN)

ICG: governo precisa de reformar as F-FDTL e PNTL

O governo de Timor-Leste e a Missão da ONU em Timor-Leste devem revitalizar esforços para reformar as F-FDTL e a PNTL de modo a diminuir conflitos civis no país.

Com base no novo relatório do International Crisis Group (ICG), parece que para fazer avançar o país a chave é a reforma das instituições.

O ICG relatou também que até agora não há uma linha clara de autoridade entre a força da defesa e a polícia e que não há consenso nacional acerca do tipo de força de defesa necessária e que funções deve ter.

O ICG disse que o governo tem de conduzir uma análise imediata da reforma compreensiva da segurança conforme recomendado pelo Conselho de Segurança das Nações Unidas. (TP)

Ramos-Horta: Indonésia fecha a embaixada se TL estabelecer um tribunal internacional

O PR Ramos-Horta está a argumentar fortemente contra a recomendação de organizações que pedem ao Estado para estabelecer um tribunal internacional em Timor-Leste para julgar os casos de 1999.

“Não aceitei as vossas recomendações acerca de estabelecer um tribunal internacional desde que fui Ministro dos Negócios Estrangeiros. Mesmo que me pisem até eu morrer, nunca aceitarei isso,” disse o PR Ramos-Horta na Quinta-feira (17/1) quando se encontrou com o Forum das ONG's em Caicoli, Dili.

O PR Ramos-Horta disse que é impossível estabelecer o tribunal internacional tribunal em Timor-Leste porque não há apoio do Conselho de Segurança. (TP)

Encontro de Alto Nível: continua a discutir os problemas no país

O Encontro de Alto Nível entre o Estado e a Missão Integrada da ONU em Timor-Leste (UNMIT) na Quinta-feira (17/1) continuou a focar-se nos problemas dos deslocados, Alfredo Reinado e os peticionários.

O encontro ocorreu no Palácio das Cinzas e foi atendido pelo SRSG Atul Khare, PR Ramos-Horta, Primeiro-Ministro Xanana Gusmão, Presidente do PN Fernando Lasama, Brigadeiro Taur Matan Ruak, Procurador-Geral Longuinhos Monteiro, Secretário de Estado para a Segurança e Defesa Francisco Guterres e Júlio Pinto.

O PR Ramos-Horta disse que o encontro de Alto Nível se fez para decidir como podem os órgãos de Estado disseminar a informação geral sobre como resolver os problemas no país,” disse o PR Ramos-Horta na Quinta-feira (17/1) no Palácio das Cinzas Caicoli, Dili.

O Presidente do PN Fernando Lasama disse que graças ao encontro o governo e a UNMIT podem começar a avançar o processo de resolução dos problemas e reganhar a paz e a calma. (TP)

”Ordem de prisão não funciona; Alfredo não vai a tribunal

O advogado do caso de Alfredo Reinado, Benevides Barros, disse que o PR Ramos-Horta já disse a todas as instituições relevantes nacionais e internacionais para não executarem a ordem de prisão emitida pelo juíz.

O Sr. Barros disse também que Alfredo Reinado não vai comparecer no tribunal em 24 de Janeiro deste ano apesar de ser válida a ordem de prisão dele.

A Fretilin está a pedir a Alfredo para levar a acusação ao tribunal.

“A Fretilin apoia a postura legal de Alfredo mas não apoia as acções de Alfredo e dos peticionários. O nosso apoio é que se Alfredo tem todas as evidências, então tragam-nas. É tempo de usarem o processo legal e a Constituição,” disse José Manuel, um membro da Fretilin.

Entretanto o Presidente do Tribunal de Recurso Cláudio Ximenes disse que se houver uma razão forte então a ordem de prisão será retirada, se não houver então tudo deve seguir conforme a decisão do juiz. (TP e STL)

1 comentário:

Margarida disse...

Tradução:
UNMIT – MONITORIZAÇÂO DOS MEDIA - Sexta-feira, 18 Janeiro 2008
"A UNMIT não assume nenhuma responsabilidade pela correcção dos artigos ou pela correcção das traduções. A selecção dos artigos e o conteúdo deles não indicam apoio ou endosso pela UNMIT expresso ou implícito. A UNMIT não sera responsável por qualquer consequência que resulte da publicação de, ou pela confiança em tais artigos e traduções."

Relatos dos Media Nacionais

- - -

RTL cobertura de notícias

Reinado pede ao Comandante Supremo para montar uma nova comissão que substitua a equipa do Grupo de Trabalho:
O líder foragido amotinado Alfredo Reinado Alves pediu ao Presidente José Ramos Horta, que é também o Comandante Supremo da Força de Defesa Timorense para montar uma nova comissão para substituir o Grupo de Trabalho montado pelo Governo.

Reinado e o porta-voz dos peticionários, Gastão Salsinha, fizeram o pedido depois de não conseguirem encontrar-se com o Presidente José Ramos Horta ontem em Suai.

Reinado e Salsinha disseram que o Grupo de Trabalho do Governo não consegue resolver os problemas deles, porque estão a trabalhar por interesses políticos.

Disseram que apenas o Comandante Supremo é capaz de resolver os problemas deles, não o Governo.

Reinado disse que se o Estado os considerar civis, que formarão uma nova força militar neste país.

* * *

Ramos-Horta: “A data limite para resolver o caso de Alfredo e dos peticionários é Maio”

O Presidente (PR) José Ramos-Horta disse que Maio de 2008 é a data limite para resolver os problemas de Alfredo e dos peticionários.

“Ainda não é definitivo, mas todas as partes devem preparar-se para trabalhar niste de agora até Maio,” disse o PR Ramos-Horta na Quinta-feira (17/1). (DN)

Finn Reske-Nielsen: “ONU dá os parabéns à PNTL por prender 73 pessoas”

O Vice-Representante Especial do Secretário-Geral (DSRSG) em Timor-Leste Finn Reske-Nielsen deu os parabéns à polícia que capturou 73 pessoas alegadamente envolvidas na prostituição e drogas em cinco bares em Dili na Terça-feira à noite (15/1).

O DSRSG Finn explicou que as prisões foram feitas por causa das alegadas actividades terem um efeito negativo no país. (DN)

‘Operação Lafaek’: boa para o futuro da nossa juventude

O deputado do (PN), Duarte Nunes, disse que o PN apoia a captura de 73 pessoas em 5 bares em Dili pela PNTL de Díli como um passo positivo para o futuro da juventude Timorense.

“Todas sabemos que as pessoas com más intenções destroiem o futuro da geração mais jovem e dão mau nome ao país. Por isso, o PN apoia a operação da PNTL,” disse o Sr. Nunes no PN na Quinta-feira (17/1) em Dili. (DN)

Arsénio: “O Presidente não deve tentar amordaçar Alfredo”

O Vice Presidente da Fretilin e deputado do PN Arsénio Bano disse que a Fretilin está a pressionar o PR Ramos-Horta para informar o público sobre a sua discussão com Alfredo Reinado para que o público seja informado, de outro modo está a amordaçar o Reinado e a pôr a verdade em causa.

“Tem de haver verdade. Se Alfredo disse que Xanana é o autor da crise de 2006, deixem Alfredo contar a verdade e Xanana deve então ele próprio justificar-se,” disse o Sr. Bano na Quinta-feira (17/1) no PN em Dili.

“O povo de Timor-Leste e o PN devem saber o que é discutido pelo PR Ramos-Horta e Alfredo. Se o PR vai dar amnistia, mandar o Alfredo de volta às F-FDTL ou submetê-lo à justiça, o povo deve saber disso. Ou isso é apenas uma armadilha?” acrescentou o Sr. Bano. (DN)

ICG: governo precisa de reformar as F-FDTL e PNTL

O governo de Timor-Leste e a Missão da ONU em Timor-Leste devem revitalizar esforços para reformar as F-FDTL e a PNTL de modo a diminuir conflitos civis no país.

Com base no novo relatório do International Crisis Group (ICG), parece que para fazer avançar o país a chave é a reforma das instituições.

O ICG relatou também que até agora não há uma linha clara de autoridade entre a força da defesa e a polícia e que não há consenso nacional acerca do tipo de força de defesa necessária e que funções deve ter.

O ICG disse que o governo tem de conduzir uma análise imediata da reforma compreensiva da segurança conforme recomendado pelo Conselho de Segurança das Nações Unidas. (TP)

Ramos-Horta: Indonésia fecha a embaixada se TL estabelecer um tribunal internacional

O PR Ramos-Horta está a argumentar fortemente contra a recomendação de organizações que pedem ao Estado para estabelecer um tribunal internacional em Timor-Leste para julgar os casos de 1999.

“Não aceitei as vossas recomendações acerca de estabelecer um tribunal internacional desde que fui Ministro dos Negócios Estrangeiros. Mesmo que me pisem até eu morrer, nunca aceitarei isso,” disse o PR Ramos-Horta na Quinta-feira (17/1) quando se encontrou com o Forum das ONG's em Caicoli, Dili.

O PR Ramos-Horta disse que é impossível estabelecer o tribunal internacional tribunal em Timor-Leste porque não há apoio do Conselho de Segurança. (TP)

Encontro de Alto Nível: continua a discutir os problemas no país

O Encontro de Alto Nível entre o Estado e a Missão Integrada da ONU em Timor-Leste (UNMIT) na Quinta-feira (17/1) continuou a focar-se nos problemas dos deslocados, Alfredo Reinado e os peticionários.

O encontro ocorreu no Palácio das Cinzas e foi atendido pelo SRSG Atul Khare, PR Ramos-Horta, Primeiro-Ministro Xanana Gusmão, Presidente do PN Fernando Lasama, Brigadeiro Taur Matan Ruak, Procurador-Geral Longuinhos Monteiro, Secretário de Estado para a Segurança e Defesa Francisco Guterres e Júlio Pinto.

O PR Ramos-Horta disse que o encontro de Alto Nível se fez para decidir como podem os órgãos de Estado disseminar a informação geral sobre como resolver os problemas no país,” disse o PR Ramos-Horta na Quinta-feira (17/1) no Palácio das Cinzas Caicoli, Dili.

O Presidente do PN Fernando Lasama disse que graças ao encontro o governo e a UNMIT podem começar a avançar o processo de resolução dos problemas e reganhar a paz e a calma. (TP)

”Ordem de prisão não funciona; Alfredo não vai a tribunal

O advogado do caso de Alfredo Reinado, Benevides Barros, disse que o PR Ramos-Horta já disse a todas as instituições relevantes nacionais e internacionais para não executarem a ordem de prisão emitida pelo juíz.

O Sr. Barros disse também que Alfredo Reinado não vai comparecer no tribunal em 24 de Janeiro deste ano apesar de ser válida a ordem de prisão dele.

A Fretilin está a pedir a Alfredo para levar a acusação ao tribunal.

“A Fretilin apoia a postura legal de Alfredo mas não apoia as acções de Alfredo e dos peticionários. O nosso apoio é que se Alfredo tem todas as evidências, então tragam-nas. É tempo de usarem o processo legal e a Constituição,” disse José Manuel, um membro da Fretilin.

Entretanto o Presidente do Tribunal de Recurso Cláudio Ximenes disse que se houver uma razão forte então a ordem de prisão será retirada, se não houver então tudo deve seguir conforme a decisão do juiz. (TP e STL)

Traduções

Todas as traduções de inglês para português (e também de francês para português) são feitas pela Margarida, que conhecemos recentemente, mas que desde sempre nos ajuda.

Obrigado pela solidariedade, Margarida!

Mensagem inicial - 16 de Maio de 2006

"Apesar de frágil, Timor-Leste é uma jovem democracia em que acreditamos. É o país que escolhemos para viver e trabalhar. Desde dia 28 de Abril muito se tem dito sobre a situação em Timor-Leste. Boatos, rumores, alertas, declarações de países estrangeiros, inocentes ou não, têm servido para transmitir um clima de conflito e insegurança que não corresponde ao que vivemos. Vamos tentar transmitir o que se passa aqui. Não o que ouvimos dizer... "
 

Malai Azul. Lives in East Timor/Dili, speaks Portuguese and English.
This is my blogchalk: Timor, Timor-Leste, East Timor, Dili, Portuguese, English, Malai Azul, politica, situação, Xanana, Ramos-Horta, Alkatiri, Conflito, Crise, ISF, GNR, UNPOL, UNMIT, ONU, UN.