segunda-feira, novembro 12, 2007

Em aniversário de massacre, líder de Timor cobra Indonésia

12-11-2007 08:11:10

Dili, 12 nov (Lusa) - A Indonésia "sabe onde estão os corpos" das vítimas do Massacre de Santa Cruz, que aconteceu em 1991, afirmou nesta segunda-feira o presidente do Parlamento de Timor Leste, Fernando "La Sama" de Araújo.

"O governo de Timor Leste tem informações" sobre o que foi feito aos corpos das vítimas, "mas estamos à espera da abertura do governo da Indonésia e, especialmente, dos militares indonésios, para nos dizer onde estão os corpos, porque eles sabem" declarou o presidente do Parlamento Nacional no final da cerimônia que assinalou mais um aniversário do massacre de 12 de novembro de 1991.

Fernando "La Sama" de Araújo considerou "política" a inexistência de qualquer investigação forense até o momento sobre o Massacre de Santa Cruz.

"É um problema político. [A ocupação indonésia] foi um crime, mas relacionado com a política. E temos que ver as duas partes", explicou Fernando "La Sama" de Araújo.

A única comissão de inquérito criada em 16 anos foi a que as autoridades indonésias enviaram a Dili logo após o massacre.

Em relação à exigência de um tribunal internacional para Timor Leste, formulada por muitos jovens nas comemorações do aniversário desta segunda-feira, o presidente do Parlamento Nacional considerou que "o processo de justiça não está a ser travado".

"O processo político não vai travar o processo da justiça", garantiu, falando sobre a Comissão da Verdade e Amizade criada pela Indonésia e por Timor Leste para investigar os crimes cometidos em 1999.

No seu discurso diante do Cemitério de Santa Cruz, Fernando "La Sama" de Araújo pediu que o 12 de novembro, feriado nacional em Timor Leste, fosse "um dia de reflexão sobre o idealismo, o nacionalismo e o patriotismo daquela geração".

1 comentário:

Carreira disse...

SILÊNCIO CULPADO disse...
Perante uma grande sacanice que está a ser feita sobre alguns professores que não recebem vencimento,têm horários d e12 horas ou estão a recibos verdes sugere-se que todos os blogues publiquem a notícia que está no http://cegueiralusa.com

Traduções

Todas as traduções de inglês para português (e também de francês para português) são feitas pela Margarida, que conhecemos recentemente, mas que desde sempre nos ajuda.

Obrigado pela solidariedade, Margarida!

Mensagem inicial - 16 de Maio de 2006

"Apesar de frágil, Timor-Leste é uma jovem democracia em que acreditamos. É o país que escolhemos para viver e trabalhar. Desde dia 28 de Abril muito se tem dito sobre a situação em Timor-Leste. Boatos, rumores, alertas, declarações de países estrangeiros, inocentes ou não, têm servido para transmitir um clima de conflito e insegurança que não corresponde ao que vivemos. Vamos tentar transmitir o que se passa aqui. Não o que ouvimos dizer... "
 

Malai Azul. Lives in East Timor/Dili, speaks Portuguese and English.
This is my blogchalk: Timor, Timor-Leste, East Timor, Dili, Portuguese, English, Malai Azul, politica, situação, Xanana, Ramos-Horta, Alkatiri, Conflito, Crise, ISF, GNR, UNPOL, UNMIT, ONU, UN.