quinta-feira, maio 08, 2008

FRETILIN expresses solidarity with the people of Myanmar

FRENTE REVOLUCIONÁRIA DO TIMOR-LESTE INDEPENDENTE

FRETILIN
Media release7 May 2008

FRETILIN, the largest political party in Timor-Leste (East Timor), has expressed its solidarity with the people and the democratic forces of Myanmar (Burma) after Cyclone Nargis wreaked destruction in thecoastal regions of the country.

FRETILIN Secretary General Mari Alkatiri said, "The natural disaster in Myanmar is a humanitarian disaster of tragic proportions and we express solidarity with the people of Myanmar. We hope that thecountry is able to recover quickly."

The state run media in Myanmar is reporting that Cyclone Nargis has left more than 23,000 people dead, whilst some international media outlets are now reporting a figure as high as 100,000 deaths.

The cyclone is also reported to have left more than 1 million people homeless in Myanmar with an estimated 41,000 people still missing.

Dr Alkatiri said, "We urge and support all efforts by the international community to assist Myanmar through this difficultperiod.

"We also urge the government of Myanmar to work closely with the international community to effectively and efficiently co-ordinate thereconstruction and humanitarian efforts and also to help distributeaid throughout the country."

Dr Alkatiri added, "I believe that the governments of Asia should consider establishing a cyclone watch and early warning mechanism to allow countries to better prepare against cyclones and diminish suchhigh death tolls."


For more information, please contact:
Jose Teixeira (+670) 728 7080

Tradução:

FRETILIN expressa solidariedade com o povo de Myanmar


FRENTE REVOLUCIONÁRIA DO TIMOR-LESTE INDEPENDENTE
FRETILIN

Comunicado de Imprensa 7 Maio 2008

A FRETILIN, o maior partido político de Timor-Leste, expressou a sua solidariedade com o povo e as forças democráticas de Myanmar (Burma) depois do ciclone Nargis ter provocado destruições nas regiões costeiras do país.


O Secretário-Geral da FRETILIN Mari Alkatiri disse, "O desastre natural em Myanmar é um desastre humanitário de proporções trágicas e expressamos solidariedade com o povo de Myanmar. Esperamos que o país seja capaz de recuperar rapidamente."

Os media estatais de Myanmar estão a relatar que o ciclone Nargis deixou mais de 23,000 pessoas mortas, ao mesmo tempo que algumas publicações de media internacionais relatam agora um número tão elevado quanto 100,000 mortos.

É também relatado que o ciclone deixou mais de 1 milhão de pessoas sem casa em Myanmar com uma estimativa de 41,000 pessoas ainda com paradeiro desconhecido.

Disse o Dr Alkatiri, "Urgimos e apoiamos todos os esforços da comunidade internacional a assistir Myanmar neste período difícil.

"Urgimos também o governo de Myanmar a trabalhar de perto com a comunidade internacional para efectivamente e com eficiência co-ordenar a reconstrução e os esforços humanitários e também a ajudar a distribuir a ajuda pelo país."

Acrescentou o Dr Alkatiri, "Acredito que os governos da Ásia deviam considerar estabelecer um observatório de ciclones e um mecanismo de aviso imediato para possibilitar que os países se preparassem melhor contra os ciclones e diminuíssem um tão grande número de mortes."

Para mais informação, por favor contacte:
José Teixeira (+670) 728 7080

1 comentário:

Margarida disse...

Tradução:
FRETILIN expressa solidariedade com o povo de Myanmar
FRENTE REVOLUCIONÁRIA DO TIMOR-LESTE INDEPENDENTE
FRETILIN
Comunicado de Imprensa 7 Maio 2008
A FRETILIN, o maior partido político de Timor-Leste, expressou a sua solidariedade com o povo e as forças democráticas de Myanmar (Burma) depois do ciclone Nargis ter provocado destruições nas regiões costeiras do país.
O Secretário-Geral da FRETILIN Mari Alkatiri disse, "O desastre natural em Myanmar é um desastre humanitário de proporções trágicas e expressamos solidariedade com o povo de Myanmar. Esperamos que o país seja capaz de recuperar rapidamente."
Os media estatais de Myanmar estão a relatar que o ciclone Nargis deixou mais de 23,000 pessoas mortas, ao mesmo tempo que algumas publicações de media internacionais relatam agora um número tão elevado quanto 100,000 mortos.
É também relatado que o ciclone deixou mais de 1 milhão de pessoas sem casa em Myanmar com uma estimativa de 41,000 pessoas ainda com paradeiro desconhecido.
Disse o Dr Alkatiri, "Urgimos e apoiamos todos os esforços da comunidade internacional a assistir Myanmar neste período difícil.
"Urgimos também o governo de Myanmar a trabalhar de perto com a comunidade internacional para efectivamente e com eficiência co-ordenar a reconstrução e os esforços humanitários e também a ajudar a distribuir a ajuda pelo país."
Acrescentou o Dr Alkatiri, "Acredito que os governos da Ásia deviam considerar estabelecer um observatório de ciclones e um mecanismo de aviso imediato para possibilitar que os países se preparassem melhor contra os ciclones e diminuíssem um tão grande número de mortes."

Para mais informação, por favor contacte:
José Teixeira (+670) 728 7080

Traduções

Todas as traduções de inglês para português (e também de francês para português) são feitas pela Margarida, que conhecemos recentemente, mas que desde sempre nos ajuda.

Obrigado pela solidariedade, Margarida!

Mensagem inicial - 16 de Maio de 2006

"Apesar de frágil, Timor-Leste é uma jovem democracia em que acreditamos. É o país que escolhemos para viver e trabalhar. Desde dia 28 de Abril muito se tem dito sobre a situação em Timor-Leste. Boatos, rumores, alertas, declarações de países estrangeiros, inocentes ou não, têm servido para transmitir um clima de conflito e insegurança que não corresponde ao que vivemos. Vamos tentar transmitir o que se passa aqui. Não o que ouvimos dizer... "
 

Malai Azul. Lives in East Timor/Dili, speaks Portuguese and English.
This is my blogchalk: Timor, Timor-Leste, East Timor, Dili, Portuguese, English, Malai Azul, politica, situação, Xanana, Ramos-Horta, Alkatiri, Conflito, Crise, ISF, GNR, UNPOL, UNMIT, ONU, UN.