quarta-feira, março 12, 2008

"A minha saúde está no bom caminho", diz Ramos-Horta

Díli, 12 Mar (Lusa) - O Presidente da República de Timor-Leste, na sua primeira declaração pública desde o ataque de 11 de Fevereiro, afirmou que a sua saúde "está no bom caminho".

"A minha saúde está no bom caminho, apesar de ir devagar. Dentro de algum tempo, vou fazer o possível para voltar a Timor-Leste, para continuar a trabalhar", declarou José Ramos-Horta em Darwin, Austrália.

A declaração de José Ramos-Horta foi gravada em três línguas para transmissão televisiva: tétum, português e inglês.

"Pela primeira vez, desde que um nosso irmão, do grupo de Alfredo Reinado, do Grupo Salsinha, disparou contra mim, tenho hoje a possibilidade de falar a todo o povo timorense", começou por explicar o Presidente na sua curta mensagem.

"Aqui, no Hospital em Darwin, fui muito bem tratado por todos. Agradeço ao pessoal da ambulância e ao enfermeiro da GNR que me levou ao hospital no heliporto" de Díli, disse o chefe de Estado.

"Agradeço aos médicos no heliporto, do Centro Médico Aspen, que me salvaram a vida em Díli, antes de ser trazido de avião para Darwin", acrescentou o Presidente timorense.

"Não vou falar muito. Mais uma vez agradeço a todos vós. Peço ao governo, aos deputados e aos partidos, para trabalharem juntos para ajudar os pobres. Obrigado", concluiu José Ramos-Horta.

O chefe de Estado timorense foi atingido a tiro durante um ataque à sua residência em Díli pelo grupo do major Alfredo Reinado, que foi morto pela guarda presidencial.

Pouco depois, um segundo grupo, liderado pelo ex-tenente Gastão Salsinha, atacou a coluna onde seguia o primeiro-ministro, Xanana Gusmão, que saiu ileso da emboscada.


PRM.
Lusa/fim

2 comentários:

Anónimo disse...

Uma pena que o Presidente de Timor não tivesse dirigido as primeiras palavras para o seu Povo em tétum!

h correia disse...

"A declaração de José Ramos-Horta foi gravada em três línguas para transmissão televisiva: tétum, português e inglês."

Inexplicavelmente, a televisão portuguesa só transmitiu parte da versão em Inglês.

Traduções

Todas as traduções de inglês para português (e também de francês para português) são feitas pela Margarida, que conhecemos recentemente, mas que desde sempre nos ajuda.

Obrigado pela solidariedade, Margarida!

Mensagem inicial - 16 de Maio de 2006

"Apesar de frágil, Timor-Leste é uma jovem democracia em que acreditamos. É o país que escolhemos para viver e trabalhar. Desde dia 28 de Abril muito se tem dito sobre a situação em Timor-Leste. Boatos, rumores, alertas, declarações de países estrangeiros, inocentes ou não, têm servido para transmitir um clima de conflito e insegurança que não corresponde ao que vivemos. Vamos tentar transmitir o que se passa aqui. Não o que ouvimos dizer... "
 

Malai Azul. Lives in East Timor/Dili, speaks Portuguese and English.
This is my blogchalk: Timor, Timor-Leste, East Timor, Dili, Portuguese, English, Malai Azul, politica, situação, Xanana, Ramos-Horta, Alkatiri, Conflito, Crise, ISF, GNR, UNPOL, UNMIT, ONU, UN.