domingo, fevereiro 17, 2008

A intimidade de Reinado com a ONU

Expresso

19:05 Sexta-feira, 15 de Fev de 2008
Micael Pereira

Um vídeo divulgado em exclusivo pelo Expresso e pela SIC mostra o major rebelde que quase matou o presidente Ramos-Horta a ser acolhido - armado - por um oficial internacional numa esquadra de polícia da ONU (UNPOL) em Same, no Verão de 2007. Nas imagens vê-se uma visita guiada oferecida a Reinado e aos seus homens.
Micael Pereira

(veja o filme aqui)

Na altura em que a cena foi filmada pendia sobre o antigo comandante da polícia militar timorense um mandado de captura por homicídio, posse de armas e crime de rebelião, meses depois de se ter envolvido num confronto sangrento com militares australianos. Alfredo Reinado morreu na segunda-feira passada, quando atacou a casa de Ramos-Horta. Meia hora mais tarde, um dos seus homens acabaria por balear com gravidade o presidente timorense.

1 comentário:

h correia disse...

Já tinha visto esse vídeo e é UMA VERGONHA.

Um foragido da Justiça armado, com mandado de captura e suspeito de vários homicídios, convidado de honra da UNPOL numa das suas esquadras!

Como é que a UNPOL havia de capurar Reinado? Só no dia de São Nunca!

A ONU não faz nada? O Sr. Atul Khare e o responsável por essa esquadra não são demitidos?

MALANDROS. Estão em Timor para pactuarem com criminosos e se encherem de dólares dos incautos países que sustentam essa cambada (salvo raras excepções) a que se chama ONU.

Traduções

Todas as traduções de inglês para português (e também de francês para português) são feitas pela Margarida, que conhecemos recentemente, mas que desde sempre nos ajuda.

Obrigado pela solidariedade, Margarida!

Mensagem inicial - 16 de Maio de 2006

"Apesar de frágil, Timor-Leste é uma jovem democracia em que acreditamos. É o país que escolhemos para viver e trabalhar. Desde dia 28 de Abril muito se tem dito sobre a situação em Timor-Leste. Boatos, rumores, alertas, declarações de países estrangeiros, inocentes ou não, têm servido para transmitir um clima de conflito e insegurança que não corresponde ao que vivemos. Vamos tentar transmitir o que se passa aqui. Não o que ouvimos dizer... "
 

Malai Azul. Lives in East Timor/Dili, speaks Portuguese and English.
This is my blogchalk: Timor, Timor-Leste, East Timor, Dili, Portuguese, English, Malai Azul, politica, situação, Xanana, Ramos-Horta, Alkatiri, Conflito, Crise, ISF, GNR, UNPOL, UNMIT, ONU, UN.